O momento que o Brasil vive em relação à crise financeira, que insiste em se manter, pode ser desafiador. Principalmente para as pessoas que trabalham com o setor do varejo, é nesse momento que surge a pergunta: como aumentar vendas do varejo?

Essa é uma pergunta comum, mas alguns poucos criam soluções significativas. Porém, saiba que pequenas mudanças podem trazer excelentes resultados.

Como você está enfrentando essa crise? Já tentou planejar e aplicar técnicas para reverter essa situação? Tenha em mente que a crise é uma bela oportunidade para se reinventar e desenvolver métodos diferenciados que podem te destacar no mercado.

Como aumentar vendas do varejo em momentos de crise? Acompanhe a leitura desse conteúdo e aprenda o melhor caminho para lucrar!

A crise é a chance para se diferenciar

Você já parou para pensar que é nesse momento, onde comércios dos mais variados nichos criam as soluções mais criativas? Mas para isso, você precisa deixar a desmotivação de lado, e correr atrás de informações importantes sobre o mercado.

Porque uma coisa é certa, a crise muda a forma como você lida com os clientes. Dessa forma, é provável que o comportamento deles também mude em relação à forma como eles enxergam sua marca e estabelecimento.

Portanto, ir atrás desse tipo de conhecimento é o que pode e vai te direcionar mais certeiramente, não concorda? Com esse tipo de sabedoria sobre as necessidades atuais, você consegue bolar um plano de ação diferenciado que atenda o exato ponto de dor dos clientes.

Pensando nessa busca por motivação e objetivos renovados, criamos um conjunto com 5 dicas assertivas. Continue a leitura e comece ainda hoje a definir como aumentar vendas do varejo!

Como aumentar vendas do varejo em 5 dicas

Reforçando o que a crise já deixou bem claro, pode não ser fácil manter o ritmo das vendas no varejo, mas tampouco é impossível. Comece com as dicas a seguir!

1 – Comece com uma gestão adequada

A gestão nos negócios pode até não ser o foco principal na hora de aumentar as vendas. Mas garantimos, é essencial para que você consiga definir exatamente em que lugar seu comércio se encontra.

De que outra forma você conseguiria determinar onde cortar custos, renegociar possíveis dívidas e renovar contrato com fornecedores, por exemplo, sem uma gestão adequada?

Determine a gestão como uma mola propulsora para te guiar e mostrar o melhor percurso a seguir. Afinal, num momento de crise, qualquer auxílio é bem-vindo, não é mesmo?

2 – Venda inovação aliada a qualidade

Esse é momento onde o poder de compra da maioria dos consumidores está reduzido. Dessa forma, ele não vai comprar além daquilo que realmente precisa, aí é que entra a inovação.

Apresentar desenvoltura e serviços inovadores é bem visto pelo cliente, pois, só se destaca quem arrisca. Vale enfatizar nesse ponto a qualidade, isto é, de nada adianta oferecer um mundo novo de possibilidades se não houver qualidade.

Ao colocar a sua disposição produtos e serviços de qualidade, com exclusividade e acima de tudo durabilidade, você está agregando mais valor à marca, e isso certamente aumenta vendas no varejo.

3 – Capriche no atendimento

Essa é uma dica que deve ser levada com cuidado, pois, pode não ser o momento para investir nessa parte. No entanto, é muito importante transformar seu atendimento em competitivo, afinal, no varejo o atendimento é crucial para fechar a venda.

Procure orientar de maneira geral e enfatizar como cada um dos produtos devem ser mostrados e oferecidos, por exemplo. Dessa forma, seus colaboradores podem ser mais assertivos na hora de expor um determinado produto.

Sem dúvida alguma, o atendimento diferenciado representa pelo menos meio caminho andado para fechar vendas.

4 – Priorize a fidelização de clientes

Com essa dica, pensamos e reafirmamos a parte da redução de custos, como aliada para superar essa fase. Sendo assim, é recomendado focar e direcionar seus esforços e acima de tudo, recursos para os clientes fidelizados a sua marca ou comércio.

Ao invés de sair à procura de novos clientes o que irá gerar custos, diante da situação atual, pode não surtir resultados, desenvolva um plano de fidelização e invista em promoções exclusivas a eles, os fidelizados. Certamente o volume de vendas pode se mostrar positivo.

5 – Aperfeiçoe a capacitação da equipe

Não existe chance de aumentar as vendas no varejo, se você não contar com uma equipe com alto padrão de habilidades. Pode parecer um investimento inapropriado, mas é muito positivo para a situação.

Além do atendimento direto ao público, um bom treinamento pode agregar mais conhecimento quanto aos produtos e suas finalidades. Saber organizar melhor o espaço, estoque e cativar os clientes é absorvido em um preparo adequado.

Todas essas características irão aparecer em números na hora de fechar o mês, pode apostar.

Aumente as vendas com a ferramenta certa

Todos nós sabemos como pode ser difícil esse momento de crise, por isso estamos aqui para te ajudar. E se você tivesse uma ferramenta ideal para te ajudar a solucionar a grande dúvida: como aumentar vendas no varejo?

Nós da Intersolid Software, temos uma solução perfeita para você implementar no seu supermercado e aumentar as vendas.

Estamos falando do Isolidus E.R.P, que é um Software de Gestão de Supermercados.

Ele é completo e desempenha inúmeras funções, inclusive o processamento automático do Pricing, para que sua loja seja mais assertiva na hora de precificar e aumente a rentabilidade do negócio.

Visite a página oficial da Intersolid Software e comprove como esse é o melhor investimento a ser feito.

Unidade São Paulo - SP
(11) 3181.5480
R. Dr.Guilherme Bannitz, 126
8º andar conj. 81 CV.9476
Bairro: Itaim Bibi
Ver mapaSuporte Técnico 0800Net
Unidade Guararapes - SP
(18) 3637.5480
Plantão E.R.P. (18) 9 9723 .6112
Av. Alberto Braga, 383
Bairro: Continental
Ver mapa

Solicite uma demonstração

A Intersolid E.R.P., a Intersolid Software está presente hoje em mais de 450 lojas, e possui cerca de 6.000 usuários.
Solicite uma Demonstração
Aceitamos